00000000000000000000000000000000000000000000000000000000.jpg

A defesa da presidente Dilma Rousseff diz que não há provas contra ela e o vice-presidente Michel Temer que justifique a cassação do seus respectivos mandatos pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os advogados de Dilma afirmam que irregularidades cometidas na campanha presidencial de 2014 não apontam que a petista seja responsável ou tenha se beneficiado delas.

Os argumentos estão registrados na peça de defesa que devem ser protocolados ainda nesta quinta-feira (18). Na ação do PSDB, Dilma e Temer são acusados de abuso de poder político e econômico na disputa, e além da cassação, tem como objetivo diplomar o senador Aécio Neves (PSDB-MG), que foi o segundo colocado nas eleições de 2014.

F0nte: Metro1

Anúncios

Sobre jorgequixabeira

Sempre gosto de postar nóticias verídicas, pois zelo pela credibilidade do que posto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s