zzzzzzzzzzzzz.jpg

A empreiteira Odebrecht ajuizou no Superior Tribunal de Justiça (STJ) mais uma ofensiva contra as

provas obtidas na Suíça que apontam a existência de contas secretas ligadas à empresa que, segundo o Ministério Público Federal, foram usadas para pagar propina. A iniciativa ocorreu por meio da defesa do ex-executivo da empreiteira Márcio Faria, que entrou no STJ com uma reclamação contra a Procuradoria ­Geral da República por ter enviado os documentos da Suíça à Procuradoria da República no Paraná, que investiga a corrupção na Petrobras.

Segundo reportagem do jornal Folha de S. Paulo dessa segunda-feira (22), o argumento da advogada Dora Cavalcanti é de que os documentos deveriam tramitar no STJ antes de serem enviados ao Paraná. A Odebrecht tenta obrigar as autoridades a refazerem essa tramitação, o que poderia resultar até em uma paralisação do uso desses documentos, além de ganho de tempo pela empreiteira.

Em julho de 2015, o Ministério Público da Suíça enviou documentos ao Brasil sobre contas em nome de offshores atribuídas à Odebrecht. Por meio dessas contas, segundo as investigações, os ex­diretores da Petrobras Renato Duque e Paulo Roberto Costa e o ex­gerente Pedro Barusco teriam recebido recursos. Os dois últimos admitiram ter recebido propina da Odebrecht no exterior. A

empresa e Duque negam. Os documentos vieram da Suíça como parte de um pedido de cooperação feito pelo Ministério Público do país europeu para ouvir testemunhas da ação

contra a Odebrecht na Lava Jato.

Fonte: Bocao news

Anúncios

Sobre jorgequixabeira

Sempre gosto de postar nóticias verídicas, pois zelo pela credibilidade do que posto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s